3 de dezembro de 2009

Meu Refugio

Na arte encontro o meu refugio
Posso expressar todos os meus sentimentos
Minha vida
Sem julgamentos

Na pintura me sinto realizada
Nas letras expresso tudo aquilo que sinto
E quando escrevo
Sinto-me aliviada

A arte me faz viver
Sonhar e crescer
Me torna digna
Faz-me ter responsabilidade

A arte me faz amar a vida
Aproveitar cada segundo
Sentir cada momento
Me faz feliz

Quando estou triste
Gosto de observar o mar
As ondas que vem e vão
Os pássaros a voar

A brisa fria toca meu rosto
Purifica minha alma
Inspira minha fala
Assim encontro meu refugio também no mar.

Por Angella Maria

Um comentário:

Sônia Silvino disse...

Muito lindo, poetisa!
Não esqueça de visitar os meus blogs. Se já visitou, volte sempre!
Bjkas!!!